Buscando a notícia para você desde 2007 - Ano 10 -

Veja as Curiosidades dos Jogo Paraolímpicos .

TODAS AS PARAOLIMPÍADAS ATÉ 1996:

1960 - Roma / Itália
1964 - Tóquio / Japão
1968 - Tel Aviv / Israel
1972 - Heidberg/ Alemanha
1976 - Toronto / Canadá
1980 - Arnhem / Holanda
1984 - Aylesbury / Inglaterra e Nova Iorque / EUA
1988 - Seul / Coréia do Sul
1992 - Barcelona / Espanha
1996 - Atlanta / EUA

- Os jogos representam habilidade, desempenho, profissionalismo, superação,conquistas e excelência.

- Nas Paraolimpíadas de Atlânta em 1996, foram batidos mais 220 recordes mundial.

- As Paraolimpíadas são realizadas no mesmo país duas semanas após as Olimpíadas, assim como foi em Seul 1988, Barcelona 1992, Atlânta 1996 e a próxima em Sidney 2000.

- São 3.500 atletas de 121 países

- São mais de 1.000 técnicos e auxiliares

- São mais de 1.500 juízes e organizadores

- São mais de 12.000 voluntários

- No começo eles se chamavam Jogos Internacionais de Stoke Mandeville (nome da cidadezinha inglesa onde aconteciam as competições).

- As Paraolimpíadas de Atlanta tiveram mais de 500 provas esportivas em comparação com as 330 provas esportivas da Olimpíada de Atlanta. Essa razão se dá por existir classificação funcional para os atletas portadores de deficiência em cada modalidade.

- Os atletas competiram em 17 modalidades sendo que 15 são olímpicas e duas delas a nível de exibição (hipismo e rugby).

- A palavra Paraolímpica significa "Paralela aos Jogos Olímpicos" e não paraplégicos.

- Os Jogos Paraolímpicos são o segundo maior evento esportivo do mundo perdendo apenas para as Olimpíadas.


Alguns Patrocinadores dos Jogos Paraolímpicos em Atlanta:
Coca-Cola Co., IBM Corporation, Motorola, Inc., Sunrise Medical, Inc., The Home Depot, Inc., Bell South Corporation, Eastman Kodak Co., Naya Spring Water, Swatch Co.


ALGUNS RESULTADOS ESPORTIVOS ESPETACULARES
1.O atleta canadense Arnie Boldt, amputado em uma perna, saltou 1.96 m no salto em altura.

2.O atleta americano Tony Volpentest, amputado das duas pernas e braços, correu com próteses nos 100 metros rasos e atingiu um tempo de 11.63 seg. O recorde olímpico em Atlanta nos 100 metros rasos foi de 9.84 seg. Nas Paraolimpíadas de Atlanta Tony bateu mais uma vez o recorde, com o tempo de 11s36, nos 100 metros rasos.

3.A atleta nadadora americana, Trischa Zorn deficiente visual, não conseguiu classificar e entrar para o time Olímpico em natação dos Estados Unidos para competir na olimpíada de Barcelona por apenas um centésimo de segundo. Na Paraolimpíada de Barcelona , Trischa Zorn, conquistou 10 medalhas de ouro.

4.O atleta americano, Scot Hollonbeck, correu os 800 metros em cadeira de rodas e atingiu um tempo de 1:40. 63 seg., sendo que o recorde olímpico é do atleta britânico, Sebastian Coe, com um tempo de 1:41. 71 Seg.

5. O atleta suíço, Heinz Frei, correu a maratona em cadeira de rodas com um tempo de 1:30.15 hr., sendo que o recorde olímpico do atleta português Carlos Lopes é de 2:09.21 h.

UM SUPER ATLETA
Luiz Cláudio Pereira, deficiente físico, já conquistou para o Brasil em apenas 3 Paraolimpíadas, 6 medalhas de ouro e 2 de prata, batendo cinco recordes mundiais, 2 olímpicos, na modalidade de atletismo de campo (peso, disco e dardo).

PERFORMANCE PARAOLÍMPICA

Olimpíada:
Los Angeles - 1984-8 Medalhas
Seul - 1988-6 medalhas
Barcelona - 1992-3 medalhas
Atlanta - 1996-15 medalhas
Total: 32

Paraolimpíada:
EUA e Inglaterra - 1984-21 medalhas
Seul - 1988-27 medalhas
Barcelona - 1992-7 medalhas
Atlanta - 1996-21 medalhas
Total: 76, sendo 15 de ouro, 28 de prata e 33 de bronze.


PERFORMANCE BRASILEIRA EM ATLANTA
Paraolímpica:
Medalhas: 2 de ouro, 6 de prata e 13 de bronze
Colocação: 37º lugar
Número de atletas: 58

Fonte: http://www.sitedecuriosidades.com/curiosidade/curiosidades-sobre-as-paraolimpiadas.html
Foto : Internet - Mobilizadores.org.br

Você sabe falar e o que significa essa palavra enorme: Hipopotomonstrosesquipedaliofobia.


Se caracteriza pela aversão ou nervosismo em momentos nos quais o indivíduo deve empregar palavras longas ou de uso pouco comum (discussões técnicas, médicas, científicas etc), assim como evitar ou não mencionar palavras estranhas ao vocabulário coloquial. 

Hipopotomonstrosesquipedaliofobia é uma doença psicológica que se caracteriza pelo medo irracional (ou fobia) de pronunciar-se palavras grandes ou complicadas. 

Esta fobia pode ser causada pelo medo de pronunciar incorretamente a palavra, já que isto representa uma possibilidade de que a pessoa fique em desvantagem, seja visto como alguém de cultura inferior ou pouco inteligente, perante seus iguais. Muitas vezes, esta fobia vem acompanhada de timidez social e medo de ser ridicularizado.

A própria palavra hipopotomonstrosesquipedaliofobia representa certa ironia, visto que, além de ser longa e estranha, indica uma fobia à palavras semelhantes. Justamente por isso, para evitar problemas, as abreviaturas equipedalofobia e sesquipedaliofobia também têm sido utilizadas.




Etimologia

Hipopotomonstrosesquipedaliofobia é constituída dos seguintes elementos:

Hipopoto vem do grego hippopoto, que significa grande.

Monstro é a palavra latina para monstruoso.

Sesquipedali é uma forma mutilada do latim sesquipedalian que significa “palavra grande” (literalmente, “um pé e meio de largura” em latim).

Fobia significa “medo”.




Lista de coisas proibidas no Brasil mas que todo mundo faz

A coluna "Você Sabia?" foi criado para divulgar e mostrar curiosidades, que possam aprofundar nosso conhecimento, tirar dúvidas sobre qualquer assunto. 

E desta forma, responder às perguntas que normalmente fazemos entre amigos, no trabalho, na escola ou em casa.

Vale conferir essa e outras milhares de curiosidades que esta página contém.

Fique a vontade para nos ajudar, enviando curiosidades, dicas e sugestões de conteúdo. Divirta-se!

Para parcerias entre outras informações, você pode enviar email para contato:
jornaloresumo@gmail.com

Ou entre em contato no menu da página principal "Fale Conosco" ou clique aqui.

Veja a lista abaixo e ajude compartilhando com os amigos nos ícones no final da matéria.


1 – Pedalar na calçada



As vezes é mais seguro andar de bicicleta na calçada do que na rua, pois existem poucas ciclovias e existe a falta de respeito dos motoristas com os ciclistas, deixando a única opção para quem anda de bicicleta circular pela calçada. Mas é crime circular de bicicleta na calçada, as bicicletas tem que respeitar sinalizações, não andar na contra-mão e principalmente não circular em local reservado para pedestres.



2 – Bronzeamento artificial



Ta aí um item que muitas pessoas nem imaginariam que poderia ser proibido. Mas o bronzeamento artificial é proibido sim, e segundo o ministério da saúde, essas câmaras artificiais são consideradas cancerígenas.



3 – Cigarros eletrônicos



O cigarro eletrônico é uma boa opção para quem está pensando em parar de fumar cigarros, pois ele é considerado menos nocivo do que o cigarro de nicotina. Mas a verdade é que o cigarro eletrônico é proibido no Brasil, não se pode importar, nem comercializar e muito menos distribuir em qualquer território brasileiro.



4 – Narguilé



Você pode encontrar facilmente pessoas fumando narguilé em lucais públicos, como bares e parques, mas poucas pessoas sabem que é proibido fumar narguilé em locais públicos. E se na roda de narguilé tiver algum menor de idade, os maiores de idade da roda podem ser presos e pegar até 4 anos de prisão.



5 – Molhar pedestres na rua



Como é chato quando estamos na rua esperando um ônibus ou algo do tipo e tomamos um banho por causa de algum carro que passou na rua.

Fonte : Batanga
Fotos : Você sabia net

Você sabe quantas Coca-Colas são consumidas por dia no mundo?

Não queremos fazer comercial dessa potencia, mesmo por que a empresa não precisa, ela já esta com o domínio no mundo. 
Para você que é viciado em Coca-Cola, a resposta é impressionante e se encaixa em nossa página de curiosidades.
Tem gente que poderiam dar a vida por uma Coca gelada num dia quente do verão.
 
Saiba que você não está sozinho nesse comportamento. O mundo está repleto de fanáticos por Coca-Cola, pessoas que conseguem consumir o refrigerante diariamente, mesmo sabendo de todos os problemas que o excesso da bebida pode trazer para a saúde.

A Coca-Cola é realmente um fenômeno mundial de vendas. O refrigerante está presente em 160 dos 168 países do mundo, sendo um dos produtos mundiais com maior abrangência internacional. Norte-americanos, canadenses, italianos e espanhóis são os maiores consumidores de Coca do planeta.

De acordo com estimativas, aproximadamente 2 bilhão de litros de Coca-Cola são consumidos por dia no mundo. Por volta de 620,5 bilhões de litros são consumidos por ano. 

E para quem não sabe, a Coca-Cola foi criada pelo químico americano John Styth Pemberton. Ele gastou somente 74 dólares para desenvolver a fórmula do refrigerante, em 1886. Inicialmente, a bebida foi concebida como um medicamento.

Números da Coca-Cola no Brasil e no mundo

Os brasileiros amam Coca-Cola e contribuem muito para manter a fama dessa que é uma das marcas mais valiosas do planeta. Só para se ter ideia, o valor de mercado da Coca-Cola está estimado em US$ 142 bilhões.

No Brasil, a população bebe mais de 11 bilhões de litros do refrigerante por ano. Os números contam as Cocas tradicionais, light e Zero.

Ao que tudo indica a Coca-Cola vem ampliando suas vendas no Brasil, Índia, China e Turquia. Hoje, a Coca-Cola é um grande grupo multinacional, com diversos produtos no mercado. Aproximadamente sete mil produtos com a marca Coca-Cola são consumidos a cada segundo no planeta. 

Vai uma Coca-Cola gelada ai?

Fonte : sitedecuriosidades
Foto   : Internet

Todas as pessoas de olhos azuis são descendentes de um único ser humano - Coluna Você Sabia?

Um estudo feito por cientistas da Universidade de Copenhague, da Dinamarca, afirma que cada pessoa de olhos azuis no planeta é descendente de um único europeu que viveu por volta de 6 a 10 mil anos atrás, e que foi o primeiro ser humano a desenvolver uma mutação específica que é responsável pela coloração da íris.

Originalmente, todos os seres humanos tinham olhos castanhos, por conta de uma variação genética no gene chamado OCA2 poderia se ver varias tonalidades de castanho. A própria cor verde é resultado de uma grande variação na quantidade de melanina produzida. A partir desta informação, os cientistas procuraram por muitos anos a fonte da tonalidade azul no gene OCA2, mas sem sucesso.

Recentemente, uma mutação de um gene separado chamado HERC2 tem sido identificado como a causa dos olhos azuis. Esta alteração desliga o gene OCA2, que determina a quantidade do pigmento de melanina marrom que produzimos. Para os Cientistas da Universidade de Copenhague, as pessoas com olhos azuis herdaram esse gene interruptor de uma única composição genética, ou seja, são todas descendentes do primeiro ser humano com olhos azuis.

Acredita-se que esta mutação ocorreu quando os humanos começaram a migrar da África para a Europa. O fato de que cada pessoa de olhos azuis atualmente possua essa mesma mutação é uma evidência muito convincente para essa teoria, embora a identidade do mutante inicial ainda permanecer um mistério.

O mais antigo conjunto de olhos azuis já encontrados pertencem a um esqueleto de 7 mil anos de idade que foi descoberto no norte da Espanha. Naturalmente, os olhos já haviam deteriorado há muito tempo, no entanto, com uma análise genética pode-se identificar que os olhos teriam aparecido na cor azul.

Fonte: Minilua
Foto  : Hypsience

Curiosidades do Verão - Coluna Você Sabia?

O verão do hemisfério norte é chamado de “verão boreal”, e o do hemisfério sul é chamado de “verão austral”.

Alguns povos antigos dividiam o ano em cinco estações: outono, inverno, primavera, o verão propriamente dito, de tempo quente e chuvoso e o estio, de tempo quente e seco – palavra que originou o termo “estiagem”.

O solstício ocorre duas vezes ao ano. No de inverno, a noite é mais longa que o dia. No de verão, o dia é mais longo que a noite.

Na Linha do Equador, a duração dos dias é fixa ao longo das estações do ano, com 12 horas de luz e 12 horas de noite. Quer dizer, os solstícios são inexistentes no Equador.

O grau Celsius (símbolo: ºC) foi designado em homenagem ao astrônomo sueco Anders Celsius, que foi o primeiro a propô-lo. As temperaturas no Brasil são medidas em graus Celsius.

A temperatura mais alta registrada no Brasil durante o verão foi 43º Celsius na cidade do Rio de Janeiro, em 1 984. A maior temperatura ambiente, no entanto, foi registrada na localidade de Azízia, na Líbia: 58º Celsius.

A incidência de raios ultravioletas (UV) é maior no verão. A exposição excessiva aos raios UV podem causar manchas e até câncer de pele. Quanto mais clara a pele, maior a probabilidade de contraír o câncer. Por isso, não esqueça do protetor solar.

Horário de verão é a alteração do horário de uma região, adiantando-se em geral uma hora no fuso horário oficial local. Como o próprio nome indica, o horário de verão é implantado sempre na estação mais quente do ano, quando os dias são mais longos.

Dizem que quem teve a ideia do horário de verão foi o inventor e político norte-americano Benjamin Franklin, em 1 784. Na época, o horário de verão visava economizar certa de vela (!!).

O primeiro país a adotar o horário de verão foi a Alemanha, na segunda década do século XX.

No Brasil, o horário de verão foi implantado pela primeira vez em 1 931. A ideia, porém, não deu muito certo. O horário de verão atual – que vigora nas regiões Sul e Sudeste, além de parte do Centro-Oeste – foi criado em 1 985.

Em inglês, o horário de verão é chamado de “daylight saving time” (horário de economia com luz do dia, em tradução livre) e em italiano de “ora legale” (hora legal).

O Sol da meia-noite só pode ser visto durante o verão nos hemisférios. Nessa época, o Sol brilha 24 horas por dia. Entre outubro e março, o Sol da meia-noite ocorre no Pólo Sul; de abril a setembro, no Pólo Norte.

Só existem duas estações no Ártico e na Antártida: verão com 6 meses de Sol (não existem noites) e inverno com 6 meses de escuridão (não existem dias).

As reações emocionais da pessoa se alteram conforme o clima e a luz do ambiente. Por isso, pode-se afirmar com toda a certeza que você tende a ser mais alegre no verão do que no inverno.

A estação mais violenta do ano no Brasil é o verão. Pesquisas demonstram que agressões, assassinatos e acidentes de trânsito ocorrem com maior frequência durante os meses mais quentes, principalmente dezembro.

Durante os meses mais quentes, as doenças mais comuns no Brasil são a malária e a dengue. Aliás, a malária é uma das pragas que mais mata gente no mundo. Acredita-se que o número de mortos ultrapasse os dois milhões de pessoas por ano.

A época do ano com maior incidência de enchentes no Centro-Sul do Brasil é o verão, principalmente entre os meses de dezembro a abril. O maior desastre natural da história do país ocorreu justamente nessa estação, com enchentes e deslizamentos de terra. Ocorrido na Serra Fluminense – diga-se Petrópolis, Teresópolis, Nova Friburgo, São José do Vale do Rio Preto e Bom Jardim -, ele matou em torno de 1 000 pessoas



Fonte  : maiscuriosidade.com.br
Foto    : maiscuriosidade.com.br