Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2015 -

Selfie matam mais pessoas que ataques de tubarão em 2015?

Pois é, quem diria que a modalidade de fotos selfies entrariam no ranking de índices de morte? Ainda mais comparada com as mortes de tubarão... Sejamos francos, as mortes ocasionadas por ataques de tubarão são corriqueiras em determinadas localidades e também, por falta de responsabilidade do banhista, algo bem semelhante as mortes ocasionadas pelas famosas selfies.

Infelizmente, a chamada pode parecer uma piada, mas não é, algumas pessoas realmente perderam a vida ou se acidentaram na busca da selfie perfeita, ainda mais nos dias de hoje, que os seres humanos parecem cada vez mais visuais e querem compartilhar com sua rede social as localidades visitadas ou locais inapropriados para tal ato.

O último acidente envolvendo uma selfie, foi na escadaria do Taj Mahal, na Índia. Um turista japonês decidiu tirar uma selfie na escadaria para guardar e postar para a posterioridade e acabou sendo a última coisa que fez, infelizmente o turista caiu da escada e por ter seus sessenta e seis anos, não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Mas, o caso do japonês não foi atípico, infelizmente, as mortes envolvendo selfies vem crescendo de uma maneira alarmante, justamente pela pessoa não pensar nos riscos que corre ao fazê-lo. Por exemplo, três jovens na Índia foram atropelados por um trem, advinham o que eles estavam fazendo?

Outra morte foi uma garota que caiu de uma altura de 200 metros e ainda teve um caso de um rapaz que se deu um tiro ao tirar uma selfie com a arma. Algumas pessoas podem dizer que essas pessoas procuraram, no entanto, o lance da selfie acomete qualquer pessoa em qualquer lugar, portanto, antes de criticar alguém, cuidado, se cuspirmos pra cima pode cair na testa.

O importante é tomar cuidado com os locais e as situações envolvendo uma selfie, por exemplo, se você está assistindo uma grande enxurrada passar perto de sua casa, que ainda é local de risco, pra que tirar uma selfie com você perto da corrente de água? A melhor coisa a ser feita é sair do local e ficar vivo pra contar em palavras, não em imagem.

Tá certo que algumas imagens valem mais do que mil palavras, mas nenhuma imagem vale mais do que nossas vidas, afinal de contas, sem nossas vidas não podemos fazer novas imagens. Por isso, caso seja uma dessas pessoas adeptas do jeito selfie de ser, olhe ao redor antes de se concentrar nas caras e bocas que vai fazer, segurança não faz mal a ninguém, muito menos prudência.

Quanto ao título do artigo, o índice é correto, no ano que foi percebido o número de mortes envolvendo uma selfie, os tubarões já haviam causado oito mortes, ou seja, se as pessoas continuarem tirando selfies sem utilizar o bom senso, esse número poderá crescer ainda mais. 


E você? O que me diz a respeito? Será que vale uma selfie em um momento fora do comum, ou ter uma vida inteira para tirar selfies comuns?

Fonte : Site Curiosdades
Foto   : Internet

Veja curiosidades de previsões que o mundo ia acabar e nunca acabou.

Você já parou para pensar em quantas vezes o fim do mundo já foi anunciado? 

Este ano, por exemplo, segundo um grupo cristão online, o apocalipse deveria ter acontecido no início de outubro, e no ano passado, de acordo com a mitologia nórdica, ele deveria ter ocorrido em fevereiro. 

Isso sem falar na comoção provocada pelo calendário maia, que supostamente previa o fim dos tempos para o dia 21 dezembro 2012!

E olha que esses são apenas alguns dos anúncios mais recentes, pois, ao longo dos anos, não faltaram advertências a respeito da destruição do nosso planeta e, consequentemente, da extinção da civilização humana. A seguir, o Jornal O Resumo pesquisou na nossa amiga internet e soubemos de cinco previsões sobre o fim do mundo que — felizmente — não se concretizaram:


1 – Dia do Grande Desapontamento - Ano: 1844

Depois de ler Daniel 8:14 — que diz “E ele me disse: Até duas mil e trezentas tardes e manhãs; e o santuário será purificado” —, consultar a data na qual Artaxerxes I da Pérsia decidiu decretar que o governo de Jerusalém fosse restabelecido (isso no ano 457 a.C.), e fazer alguns cálculos com base em um calendário judeu, um homem chamado Samuel Snow chegou à conclusão de que o mundo acabaria no dia 22 de outubro de 1844.

Artaxerxes I

Snow era um dos seguidores de William Miller, um pregador que havia previsto o apocalipse no ano anterior. Miller inclusive chegou a convencer milhares de seguidores a vender todas suas posses, vestir roupões brancos e subir no topo de montanhas para esperar pelo arrebatamento.

Como o evento proposto por Miller não aconteceu, Snow recalculou a data — e errou também! O fim do mundo não aconteceu, e a data anunciada ficou conhecida como o Dia do Grande Desapontamento. E alguns dos seguidores “desapontados” acabaram se unindo e formando a Igreja Adventista.


Alguns dizem que a previsão foi feita para depois da criação do calendário atual. Alguns confirmam essa possibilidade que sua previsão pode acontecer no ano 2300
onde a maioria que esta fazendo e lendo está matéria não estarão aqui.

2 – Passagem do Cometa Halley - Ano: 1910

No início do século 20, quando o Cometa Halley estava prestes a se aproximar da Terra, o astrônomo francês Nicolas Camille Flammarion anunciou que a atmosfera do nosso planeta seria contaminada pelo gás cianogênio liberado pela cauda do astro e, com isso, toda a vida seria aniquilada.



A previsão de Flammarion dividiu opiniões na época, com muitos acreditando que os gases seriam inofensivos, ao passo que seus seguidores ficaram preocupados com o destino da vida terrestre. Inclusive surgiram vários espertinhos que começaram a vender máscaras, pílulas para combater o efeito tóxico do gás e até oxigênio engarrafado, e não faltou quem cobrisse frestas de portas, fechaduras e janelas com toalhas para frear a entrada do veneno.


3 – Enchentes mundiais - Ano: 1954

Em 1954, a dona de casa norte-americana Dorothy Martin revelou que havia recebido mensagens de seres de um planeta chamado Clarion sobre uma enchente que inundaria todo o planeta. Segundo ela, no dia marcado para o fim do mundo, discos voadores viriam buscar os escolhidos e, em seguida, ocorreriam movimentos tectônicos que resultariam na inversão dos continentes e oceanos durante alguns dias.



A mulher conseguiu convencer alguns seguidores sobre o apocalipse e prometeu que eles seriam resgatados por naves espaciais antes de o mundo acabar. No entanto, o dia veio e passou sem que nada acontecesse, e Dorothy revelou que havia recebido uma nova mensagem dos aliens na qual eles diziam ter ficado muito impressionados pelas ações do grupo e que haviam decidido poupar os terráqueos da destruição.


4 - Entrada para o Céu - Ano: 1997

Nos anos 70, um homem chamado Marshall Applewhite criou uma seita conhecida pelo nome “Heaven’s Gate”. Ele pregava que um dia uma nave alienígena viria à Terra para salvar seus seguidores do apocalipse e, após duas décadas, mais precisamente, no ano de 1997, quando o cometa Hale-Bopp estava passando próximo ao nosso planeta, Applewhite recebeu o que ele pensou ser a confirmação que ele tanto aguardava sobre suas previsões.



O fundador da seita e seus seguidores ouviram um astrônomo amador dizer durante um programa de rádio que havia fotografado um estranho objeto na cauda do cometa. Applewhite, convencido de que se tratava da tão aguardada nave, deu início aos preparativos para embarcar, e ele e outras 38 pessoas cometeram suicídio para poder abandonar o planeta e seguir sua viagem ao Céu.


5 – O Arrebatamento - Ano: 2011

Você se recorda do “Arrebatamento” que supostamente deveria ter ocorrido no dia 21 de maio de 2011? Ele foi proposto por um engenheiro norte-americano chamado Harold Camping, que estava convencido de que a Bíblia seria um livro repleto de códigos que revelam pistas a respeito do fim do mundo se forem decifrados corretamente.



Camping previu pela primeira vez que o apocalipse ocorreria no ano de 1994, mas, quando o fim do mundo não se materializou, o engenheiro se desculpou dizendo que havia cometido um erro de cálculo. Alguns anos depois, Camping — que era dono de uma rádio — refez as estimativas e concluiu que o dia derradeiro ocorreria no dia 21 de maio de 2011.

Aliás, o homem tinha tanta certeza de que estava certo, que chegou a gastar milhões de dólares espalhando milhares de cartazes e outdoors anunciando o dia do julgamento final. E quando nada aconteceu — de novo! —, Camping voltou a por a culpa em um equívoco matemático. Por fim, o engenheiro acabou morrendo antes de ver qualquer de suas previsões se concretizando



Fonte : Mega Curioso
Fotos : Mega Curioso
Foto Inicial no topo : Blog Monologo Interativo